20.2 C
Ponta Grossa
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
InícioNotíciasRepresentantes da CUT e CNM destacam desafios do sindicalismo

Representantes da CUT e CNM destacam desafios do sindicalismo

Durante a reunião de planejamento do Sindicato dos Metalúrgicos de Ponta Grossa, ocorrida no último final de semana, participaram Rosana de Souza, da Diretoria Plena da Confederação Nacional dos Metalúrgicos (CNM), e Márcio Kieller, presidente da Central Única dos Trabalhadores do Paraná (CUT-PR), que trouxeram contribuições valiosas para o debate.

Márcio destacou a importância do momento de transição pelo qual o sindicalismo está passando, saindo de um período de desmonte dos movimentos sociais para uma nova articulação. Ele ressaltou a luta histórica dos trabalhadores e alertou para a perseguição e as mentiras que a categoria enfrentou recentemente, com a máquina do Estado a serviço de interesses contrários aos dos trabalhadores. No entanto, enfatizou que é um momento crucial para fortalecer o sindicato, tanto do ponto de vista organizacional quanto na defesa das pautas dos trabalhadores.

Márcio ressaltou a necessidade de reciclar constantemente os conhecimentos e fazer a discussão sobre a automação visando à redução da carga horária de trabalho e à dignidade dos trabalhadores. Também ressaltou a importância do Estado na fiscalização do trabalho, evitando abusos do poder econômico.

Outro ponto relevante abordado foi a necessidade de o sindicato estar conectado com os anseios dos trabalhadores, sem pretender tutelá-los, mas sim representá-los de forma legítima. Nesse sentido, destacou a importância da formação para a geração de lideranças capazes de compreender e defender as demandas da categoria.

Rosana, da CNM, trouxe à discussão as dificuldades enfrentadas pelo trabalho sindical, especialmente a resistência das empresas. Ela enfatizou a importância de projetos de formação e sindicalização para superar esses obstáculos. Mencionou também os desafios em agregar mais mulheres e pessoas da população LGBT ao sindicato, ressaltando a necessidade de um diálogo sensível e acolhedor para compreender suas realidades e demandas.

A participação feminina e LGBT no movimento sindical foi destacada como uma conquista importante, mas ainda enfrenta desafios, especialmente em regiões mais conservadoras. Foi ressaltado que é fundamental encontrar formas de atrair e fortalecer a representação desses grupos, pois eles têm muito a contribuir com a luta dos trabalhadores.

Além disso, a discussão também abordou os desafios de envolver os jovens no sindicalismo, enfrentando as barreiras geracionais. Foi mencionada a importância da formação como forma de combater a ignorância que afeta grande parte da população e a influência negativa da máquina de informação da direita.

Ao final do encontro, foram respondidas perguntas dos participantes, que compartilharam suas preocupações e experiências, reforçando a importância de manter a sindicalização e garantir políticas que priorizem os trabalhadores.

O Sindicato dos Metalúrgicos de Ponta Grossa e Região reafirma seu compromisso em fortalecer os trabalhadores, promover a representatividade e lutar pelos direitos da categoria. A sindicalização é um instrumento essencial para alcançar esses objetivos, e a união de todos os metalúrgicos é fundamental para superar os desafios e conquistar avanços significativos.

Mais
Ponta Grossa
nuvens quebradas
20.2 ° C
20.2 °
20.2 °
61 %
0.6kmh
78 %
ter
22 °
qua
24 °
qui
23 °
sex
27 °
sáb
19 °

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

spot_img